Ponto de Cultura Vamos Fazer Arte

UM BREVE HISTÓRICO

O projeto “Vamos Fazer Arte” – PROVARTE – foi criado em 2006 buscando, através do ensino da música a partir do trabalho voluntário, democratizar o acesso a formação musical de crianças e adolescentes do município de Croatá-CE. Esta iniciativa sociocultural aconteceu primeiramente atendendo apenas 30 crianças com aulas de flauta doce e percussão e na formação do grupo de flauta “Doce Melodia”.

Em 2008 a instituição foi beneficiada com apoio financeiro do Ministério da Cultura através da FUNARTE, o que possibilitou a compra de seus primeiros instrumentos de sopros e aumentando o potencial de abrangência em mais de 50% oferecendo, também, ensino de prática instrumental de sopro com o intuito de formar uma orquestra infanto-juvenil, objetivo este concretizado em 2009 com 38 componentes e tornando-se o principal fruto de todo o trabalho já realizado pela Instituição.

De relevância reconhecida em nível de estado, no ano de 2011, o PROVARTE foi reconhecido como “Ponto de Cultura” pelo governo do estado do Ceará e ministério da Cultura tornando-se, então, o “Ponto de Cultura Vamos Fazer Arte”. Em 2013 houve o reconhecimento e certificação pela Fundação Itaú Social, Unicef e Centro de Estudos e Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária – CENPEC – como um dos principais projetos da região nordeste que realiza ação socioeducativa, contribuindo, em parceria com a escola pública, para educação integral.

Com resultados cada vez mais satisfatórios mais de 1.000 crianças e adolescente já foram atendidos sendo que hoje são 250 as pessoas que participam de aulas de Musicalização Infantil e Prática Instrumental nas áreas de: flauta doce (até 10 anos); Sopros; Violão; Percussão e Instrumentos Elétricos; e aulas de Informática Básica e Editoração de Partitura com recursos computacionais. Os resultados são cada vez mais significativos e nítidos na melhoria do desempenho escolar e comportamento enquanto cidadãos.

MUSICALIZAÇÃO E PRÁTICA INSTRUMENTAL DE SOPROS:

As aulas de Sopros são destinadas aos alunos interessados em aprender os instrumentos que compõem os naipes de madeiras e metais da Orquestra Filarmônica Estrelas da Serra. Na sede principal são oferecidas aulas paralelas de teoria musical e prática de Flauta Transversal, Clarinetes, Saxofones, Trompa, Trompete, Trombone, Bombardino e Tuba; tanto para iniciantes, quanto para alunos vindos das turmas de musicalização infantil. Os alunos no nível médio em diante participam, também, de estudos de naipe direcionados para o aperfeiçoamento nas técnicas do instrumento que tocam.

MUSICALIZAÇÃO E PRÁTICA INSTRUMENTAL DE VIOLÃO/INSTRUMENTOS ELETRICOS:

As turmas de violão tem aulas, além de violão de acompanhamento, de teoria musical para torná-los aptos a executarem partituras, tocar solos e passarem, no ano seguinte, para as turmas de Guitarra ou Baixo também oferecidas no projeto; turmas estas que compõem o naipe de instrumentos elétricos juntamente com o teclado (que atende também pessoas sem conhecimento prévio em música).

MUSICALIZAÇÃO E PRÁTICA INSTRUMENTAL DE PERCUSSÃO:

As aulas de percussão atendem alunos interessados principalmente em aprender a tocar bateria. Contudo, há muitos outros instrumentos percussivos que os alunos tem contato durante o curso que são imprescindíveis para aqueles que desejam compor a Orquestra Filarmônica Estrelas da Serra. As atividades desenvolvidas contam com apoio didático multimídia e outros materiais diferenciados para ensinar e promover diálogos e dinâmicas, fazendo com que os alunos se sintam bem-vindos e se mantenham motivados a continuar no projeto.

MUSICALIZAÇÃO INFANTIL COM FLAUTA DOCE:

As turmas de Musicalização Infantil com Flauta Doce, além das aulas de música ministradas com uma didática diferenciada escolhida especialmente para a faixa etária das crianças (07 a 10 anos), também recebem incentivo à leitura com atividades semanais de produção de texto; participam de contação de histórias, danças, brincadeiras, artesanatos, exibição de filmes e outras atividades lúdico-educacionais que passam de uma forma prazerosa e divertida valores indispensáveis para a convivência em sociedade.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

    Sua Opinião é Muito Importante!

0 comentários:

Postar um comentário

Agradecemos pelo seu comentario